Saiba Mais

TJ/AL e Defensoria Pública debatem criação da Câmara de Mediação em Saúde

O presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), desembargador Otávio Praxedes, esteve reunido nesta quarta (5) com o defensor público geral do Estado, Ricardo Melro, e com o subdefensor público geral, Carlos Eduardo Monteiro, para discutir ações em parceria com a Defensoria Pública de Alagoas.

Um dos projetos debatidos foi o da Câmara de Mediação em Saúde, que tem como objetivo diminuir a judicialização de processos da área.

“Desde que iniciamos a gestão, nomeamos uma comissão para trabalhar no aperfeiçoamento dessa Câmara. Nosso objetivo é atuar de forma conjunta com a Defensoria, Ministério Público, Advocacia e demais instituições, tudo em prol da sociedade e do aperfeiçoamento do sistema de Justiça estadual”, afirmou o desembargador.

Ainda segundo o presidente do Tribunal, a intenção é finalizar o projeto “no tempo mais breve possível, para que as demandas envolvendo saúde sejam resolvidas antes de ingressarem no Judiciário”.

 Também participaram da reunião a secretária especial da Presidência do TJ/AL, Ednilda Lessa, e o chefe de gabinete Mário Uchôa.

Câmara de Mediação

A comissão que analisa o projeto tem à frente o juiz Carlos Cavalcanti, auxiliar da Presidência do TJ/AL. Segundo o magistrado, a Câmara será um órgão central, que vai mediar, de forma pré-processual, questões envolvendo saúde, como fornecimento de remédios e tratamento médico. A iniciativa já existe nos estados da Bahia e do Rio de Janeiro.

“A ideia é aperfeiçoar o processo, adequando-o à realidade de Alagoas. Precisamos do apoio das entidades parceiras, entre elas a Defensoria Pública e as Secretarias de Saúde do Estado e do Município, para que a proposta se desenvolva”, ressaltou.

06/07/2017

Fonte: http://www.reportermaceio.com.br/tjal-e-defensoria-publica-debatem-criacao-da-camara-de-mediacao-em-saude/